14 dicas indispensáveis para mulheres empreendedoras em beleza

Os números comprovam: é cada vez maior o número de mulheres que investem no segmento de beleza. Quer ter sucesso? Veja os conselhos de Lucinha Mauro, a idealizadora da rede de salões 1838

29/06/2017 | Redação

Fachada da unidade Jardim América do Salão 1838

Fachada da unidade Jardim América do Salão 1838

Cada vez mais mulheres têm se lançado como empreendedoras no país. Nos últimos quatorze anos, o número de empresárias subiu 34%, segundo o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae). Em 2014, o país tinha 7,9 milhões de empresárias.

Outro dado interessante é o levantamento da Global Entrepreneurship Monitor (GEM), que é a principal pesquisadora de empreendedorismo do mundo. Seu último estudo aponta que, em 2014, 51,2% dos empreendedores que iniciam negócios são mulheres, o que contribui para o aumento da autonomia financeira das mulheres.

É neste cenário que se destacam empresárias como Lucinha Mauro, nome por trás de uma das redes de salões paulistanos de maior sucesso nos últimos anos, a 1838. Com duas unidades, Estados Unidos e Jardim América, dois bairros nobres de São Paulo, o empreendimento é referência em atendimento e procedimentos com padrões internacionais, com equipes de especialistas que oferecem mais de 50 tipos de serviços.

A seguir, a própria Lucinha dá dicas para mulheres que, como ela, querem empreender no segmento de beleza.

Confira!

empreendedoras lucinha-mauro-salao-1838

1 – Antes de abrir o próprio negócio, é importante você fazer um business plan (um plano de negócios, literalmente) para entender qual é o real custo de uma empresa, a rentabilidade do salão, como funciona a comissão, a legislação, os impostos e, claro, seu público-alvo.

2 – Se tiver pouco capital para inaugurar a empresa e quiser recorrer a empréstimos bancários, tenha cautela. O melhor é pesquisar muito e buscar sempre as melhores taxas e as melhores formas de pagamento.

3 – Se você precisar de sócios, é importante buscar alguém com os mesmos valores que os seus para garantir o sucesso e, principalmente, a saúde do negócio.

4 – Entender que a cultura de uma empresa de beleza é totalmente diferente de outros setores, e que a área de beleza tem uma gestão muito mais emocional que racional, foram os meus maiores desafios. Pense nisso também e estude todas as particularidades desse segmento.

empreendedoras salão 1838

Fachada do Salão 1838, Unidade Estados Unidos

 

5 – Tenha uma gestão participativa sempre. Iniciativa é a primordial.

6 – Uma equipe integrada pode ajudá-la a obter resultados interessantes, por isso sempre tenha as pessoas certas ao seu lado e com os mesmos valores que o seu.

7 – É importante lembrar sempre que ter uma empresa não é só glamour. Você terá muito trabalho pela frente, pois o sucesso do negócio dependerá diretamente do seu esforço e dos seus funcionários.

8 – Busque sempre um diferencial. Hoje, a concorrência é grande no mercado. Por isso você precisa oferecer serviços de qualidade, personalidade e até exclusivos. Isso só é possível oferecendo treinamento para seus funcionários e incentivando-os a buscar crescimento profissional.

empreendedoras salão 1838

Bancadas do salão 1838, Unidade Jardim América

9 – Ter equilíbrio emocional e manter um bom relacionamento com funcionários é um quesito de ouro para ter sucesso.

10 – Independente do tamanho da empresa, você precisará ter uma visão fora da caixa para pensar como uma grande empresa.

11 – É importante dar liberdade ao profissional para que ele possa mostrar seu estilo, respeitando os valores da empresa.

12 – Para avaliar a qualidade do atendimento e serviços no salão, contrate uma cliente oculta para você entender melhor o funcionamento do seu negócio e manter um padrão de satisfação entre os clientes.

13 – Ser tiver algum problema, não procure culpados, resolva você mesmo!

14 – Fique sempre antenado com as tendências do mercado, respeitando os desejos e as necessidades de cada cliente.


Tags: