15 dicas de Romeu Felipe para mechas perfeitas

30/06/2016 | Patricia Santos

Você certamente já babou por uma “loira by Romeu Felipe”, certo? Isso porque as mechas feitas por esse hairstylist são deslumbrantes (e nós não estamos exagerando!). Com mais de 300 mil seguidores no Instagram (@romeufelipe), o embaixador da Wella Professionals impressionou todos com a transformação da atriz Tainá Muller usando a técnica painting, que é feita à mão livre.

romeu-felipe-loiras-2

Depois disso, houve um alvoroço! Todos queriam saber as dicas do moço para transformar suas clientes em verdadeiras estrelas. Por isso, nós conferimos seu trabalho em um workshop em seu salão, o Romeu Felipe Creative Salon, em São Paulo, caçamos as melhores dicas e, depois, ainda entrevistamos o expert com exclusividade.

Então, anote já essas dicas!

1. O AUTÊNTICO LOIRO

A inspiração de Romeu são as tonalidades naturais, idênticas às dos cabelos de crianças. “Gosto de trabalhar com looks únicos, exclusivos. Os superloiros com brilho intenso e proporção perfeita de mechas definem bem o meu estilo”, explica.

 2. PARA CADA CABELO, UMA TÉCNICA

O que ele chama de exclusivo, podemos encarar como artesanal mesmo. Romeu é perito em fazer uma consulta focada para descobrir quem é a cliente que está em sua cadeira, o que ela busca e o que a cabeleira dela permite. “Do loiro ao castanho, o tom ideal vai depender do protocolo escolhido. Os procedimentos com os quais trabalho me dão liberdade para criar inúmeras variações de uma mesma cor.”

3. ATENDIMENTO PERSONALIZADO

Toda cliente que ele atende passa por um processo que começa com o diagnóstico dos fios. Em seguida, ele escolhe uma técnica que permita criar o cabelo mais natural possível e, por fim, define os produtos perfeitos para realizar o clareamento.

4. ILUMINA AQUI E ACOLÁ

Sua técnica é trabalhar por meio de pontos de luz. “Dou preferência à região da nuca, costeleta e parte frontal, de uma sobrancelha à outra. Essas são as áreas que ficam mais expostas quando uma mulher mexe nos cabelos.”

romeu-felipe-loiras-1

5. HOT & COLD

Ele está sempre atento às nuances frias e quentes, cada uma pede uma técnica. “As variações entre essas tonalidades são muito próximas, por isso a escolha deve ser feita minuciosamente. É ela quem vai ditar o resultado final.” Segundo o hairstylist, um cabelo frio pode ser trabalhado com tons perolados. “Já os mais quentes pedem mechas bege ou manteiga.”

6. REJUVENESCER SEMPRE

O loiro dos sonhos da brasileira é frio. Mas nem todas as peles permitem essa nuance. Sabe o que Romeu faz se a cliente pede um blondie cinza que pode envelhecê-la? Suaviza! A dica dele é deixar tudo natural. “O ideal é trabalhar a raiz na sua cor original, mais escura. Sugiro também mesclar mechas largas e finas.”

7. EFEITO SUAVIZADOR

Romeu é fã de mechas fininhas. “Elas garantem fios mais iluminados, já que fazem com que haja menos contraste entre eles, deixando o look suave. E isso também permite um retoque espaçado.” Ele revela que, apesar de darem trabalho e tempo para serem confeccionadas, são fáceis de clarear e reaplicar. Mas atenção: isso não significa um look inteiro de highlights finas. “Um acabamento perfeito é composto por um mix entre as finas e as largas.”

8. MECHAS “NASCI ASSIM”

Para fazer as mechas frontais, ele observa o caimento do cabelo, principalmente aqueles fios novos da região da testa. “O ideal é aplicar o produto acompanhando o nascimento deles. Observar se os próximos à raiz nascem para baixo ou para cima, por exemplo.” O cabeleireiro ainda recomenda prestar atenção em como a cliente divide a cabeleira, se usa repartida no meio ou de lado e, daí, direcionar as highlights nesses sentidos.

romeu-felipe-loiras-5

9. BABYLIGHT EM CENA

Romeu revela o segredo para esse tipo de highlight ficar impecável: o desfiado deve ficar bem enroladinho, grudadinho no couro cabeludo! Isso dá um boost na naturalidade. “Para mais suavidade, três a quatro mechas são suficientes na área frontal. Para intensificar, faça sete sem intervalos.”

10. DE OLHO NA RAIZ

Segundo Romeu, esta zona é crucial para atingir a tão falada Naturalidade. “Independentemente da técnica que escolher, devemos sempre esfumar a raiz para conseguir maior suavidade.”

11. A NOVIDADE

Além das babylights e do painting, Romeu aplica, também, uma técnica chamada fitas, em que a mecha é feita à mão livre e descolorida na frente e no verso. “Ela dá luminosidade por inteiro e cria um efeito suave, sem marcação.”

12. RETOQUE CAMPEÃO

Romeu não usa descolorante nas pontas das mechas quando está fazendo a manutenção de um cabelo. Qual o motivo? É para preservá-las. “Durante o enxágue, o produto acaba penetrando também nas pontas.”

romeu-felipe-loiras-7

13. DETALHE IMPORTANTE

Volumagem alta não é bem-vinda para Romeu. Ele prefere as mais baixas, como 20 ou 30. A matização é a assinatura do profissional. “Cada um deve buscar a sua para fugir do aspecto descolorido e ficar natural.”

14. PLATINADO SEGURO

A cliente senta na cadeira e pede para você fazer o cabelo igual ao da Flávia Alessandra. Romeu nem sempre obedece ao pedido. O motivo? Nem todas conseguem tratar a nova cabeleira como se deve. “Isso vale para aquelas que não têm o hábito de ir sempre ao salão, já que os cuidados mais apropriados devem ser feitos junto ao cabeleireiro.”

15. SEM MANCHAS

Para deixar um cabelo extremamente claro, é necessário cobrir a mecha por inteiro. “Encha de produto para evitar manchas indesejadas.” E proteja as raízes. Nesse caso, Romeu revelou um macete em seu workshop: “Antes de fechar o papel-alumínio, limpe a ponta dele com uma toalha. Depois, prenda essa área limpa mais acima, juntinho da raiz.”

 

Texto: Geiza Martins (edição de web: Patricia Santos)
Fotos: Divulgação