Novembro Azul: é hora de conscientizar os homens

O câncer de próstata pode ser diagnosticado de forma precoce, basta ficar atento

06/11/2017 | Redação

O movimento Novembro Azul nasceu em um Pub, na Austrália, em 1999 denominado de Movember. O que significava moustache + november, em inglês, ou bigode e novembro. Um grupo de amigos teve a ideia de deixar o bigode crescer durante todo o mês. A ideia era apoiar à conscientização da saúde masculina e arrecadação de fundos para doação às instituições de caridade. Novembro foi o escolhido justamente por comemorar, no dia 17, o Dia Mundial de Combate ao Câncer de Próstata.

No Brasil, a campanha foi lançada pelo Instituto Lado a Lado pela Vida e pela Sociedade Brasileira de Urologia. No ano passado foram realizadas 2.200 ações oficiais em todo o país e, assim como no Outubro Rosa, há a iluminação de pontos turísticos. Diversas celebridades e instituições apoiam a campanha do Novembro Azul. Muitos eventos são criados para espalhar informação e arrecadar dinheiro para a causa. Com toda essa iniciativa, hoje a Campanha Novembro Azul faz parte do calendário nacional de prevenções.

 

Homens mais bonitos

A S’ollér Brasil apoia essa causa. A conscientização da saúde masculina tem que ser cada vez mais constante. Afinal, em muitos casos o câncer de próstata pode ser curável se descoberto precocemente.

A coleção Australian Finisher Line, da S’ollér Brasil, é ideal para os profissionais soltarem sua criatividade e manter a durabilidade dos penteados. Além de modeladores, os produtos contêm ativos naturais que tratam seu cabelo durante o uso.

 

Fotos: divulgação e Pixabay (abre)