Alimentos que fazem bem ao cabelo e couro cabeludo

04/02/2019 | Redação

Confira quais são eles e saiba como orientar sua cliente sobre como adotá-los na dieta

Não é segredo que tudo o que consumimos na alimentação tem efeitos em nosso corpo e organismo. O mesmo não é diferente quando tratamos do couro cabeludo e dos fios de cabelo. “O essencial é fazermos da alimentação a principal aliada da saúde capilar. Alguns alimentos funcionais fornecem os nutrientes e micronutrientes, como vitaminas e minerais, ideias para mantermos os cabelos saudáveis, inclusive na época de verão”, explica a nutricionista Alessandra Scutellar, da clínica Dr. Lucas Costa, no Rio de Janeiro (RJ).

Cabelo no verão x alimentação

Os meses mais quente do ano fazem com que os fios fiquem mais expostos às agressões da época, como os raios ultravioletas, o cloro da piscina e a  água do mar. Além de podermos contar com os inúmeros tratamentos cosméticos para cuidar dos fios, a alimentação focada na necessidade capilar também conta como cuidado. “Cada nutriente exerce uma função específica. A proteína por exemplo, tem a função principal de estruturar e restaurar o couro capilar. Algumas vitaminas, atuam como fonte de antioxidantes, e outras controlam a oleosidade ou ressecamento. Já outros potencializam o processo de detoxificação do nosso corpo, auxiliando a eliminação de toxinas, o que proporciona um couro cabeludo mais limpo”, aponta Alessandra.

Uma dieta equilibrada com proteínas, vitaminas e antioxidantes age diretamente na saúde da fibra capilar

O cabelo tem fome de quê?

A nutricionista conta que cada tipo e estado de cabelo carece de alimentos que possam suprir suas necessidades de nutrientes. Confira:

Cabelo oleoso: “Os alimentos que reduzem o excesso de gordura na raiz capilar e nos fios são: cenoura, espinafre, castanha-do-pará e morango.”

Cabelo ressecado: “O ideal é priorizar frutas gordurosas como coco e abacate. Azeite de oliva também é bem-vindo nesse grupo. São alimentos que resgatam a maciez e brilho dos fios secos.”

Cabelo quebradiço: “As vitaminas do complexo B são essenciais para o crescimento dos fios. Na deficiência, os cabelos enfraquecem e caem. O ferro também é muito importante para resgatar esses fios quebradiços. Encontramos o ferro em ovos, carnes de origem animal, frutos do mar, peixes ricos em ômega 3 (sardinha, salmão), cereais integrais, oleaginosas, legumes e açaí natural.”

Saúde 100% em dia

Além dos benefícios para o corpo em si, uma alimentação equilibrada é ainda mais responsável pela beleza dos fios do que apenas o uso de tratamentos cosméticos. “Sempre será prioridade consumir os alimentos que proporcionam benefícios ao couro cabeludo e fio dos cabelos, comparado à presença dos seus nutrientes na composição de produtos cosméticos para conquistarmos tais resultados”, explica a nutricionista.

Para sua cliente ter fios mais resistentes, com brilho saudável e macio, a especialista ensina a receita perfeita. “80% da composição do nosso cabelo é queratina. Essa proteína é a grande responsável pela vitalidade do couro e fios. Sendo assim, alimentos ricos em proteína como ovos, peixes, carne e grãos como quinoa e feijão, são de extrema importância para o seu fortalecimento.”

Além disso, a proteína se associa aos seguintes micronutrientes para realizar a função de manter a aparência saudável do cabelo em dia:

– Vitamina A: mamão, abóbora, cenoura, tomate e laranja;
– Vitamina C: frutas cítricas (acerola, tangerina, kiwi, morango e limão) e vegetais escuros (espinafre, brócolis e bertalha);
– Zinco: gérmen de trigo, ostras, castanha-do-pará, amêndoas e semente de abóbora;
– Ferro: carnes, leguminosas (feijão, grão de bico, lentilha), aveia, quinoa e semente de gergelim;
– Ômega 3: semente de chia, farinha de linhaça, salmão e sardinha.